Governo construirá escola em ilha


O governo do Estado vai liberar recursos, por meio de convênios com a prefeitura de Cururupu, para a recuperação de várias escolas e a construção de uma escola de ensino médio na ilha de Caçacoeira, cuja obra foi autorizada pelo governador Jackson Lago. O anúncio foi feito pelo secretário de Educação (Seduc), Lourenço Vieira da Silva, acrescentando que esta será a primeira unidade de ensino erguida em uma ilha oceânica pela Seduc. A escola deverá contar com quatro a seis salas e irá funcionar em três turnos.

Além da construção da escola, Lourenço Vieira anunciou ainda, por meio de convênios entre a prefeitura e o governo do Estado, a execução de obras de recuperação de várias escolas de Cururupu, a doação de todo o mobiliário para a U.I. Herculana Vieira I, que receberá carteiras, mesa, armários, além de todo o mobiliário.

ASSESSORIA - Falou ainda sobre a criação da assessoria para o desenvolvimento da educação municipal, dentro do compromisso do programa “Todos pela Educação”. Salientou que este modelo foi copiado pelo ministério da Educação para ser implantado em todo o país.

Segundo Lourenço Vieira da Silva, a parceria entre a Seduc e a secretaria de Articulação Política, resultou na criação da Comissão de Assistência aos Municípios para o Desenvolvimento do Ensino Básico. Segundo ele, esta comissão está elaborando, sem ônus para os municípios, os projetos para a liberação de recursos, junto ao governo federal, do Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE). “O Maranhão saiu na vanguarda por ser o primeiro Estado brasileiro a ganhar uma assessoria desta magnitude”, frisou.

Outra marca pioneira do governo do Estado, por meio da Seduc, vai se tornar o primeiro Estado a aplicar a Prova Brasil Rural, em caráter experimental em dez municípios, até o final do ano. Convênio neste sentido foi firmado com o MEC e o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef).

DETERMINAÇÃO - Para a secretária de Educação de Cururupu, Rosário de Fátima, a reforma do prédio da Escola Herculana Vieira I, cujo teto desabou no ano passado sem causar vítimas, foi uma obra de porte que demonstra a coragem e a determinação do prefeito Francisco Pestana em melhorar a educação. Durante as obras de recuperação do telhado os alunos foram transferidos para outros prédios para que não ficassem sem aula.

As obras foram executadas pelas secretarias de Obras e da Educação, com recursos do tesouro municipal. Também outras escolas foram contempladas com obras de reforma e ampliação, principalmente em conseqüência da falta de investimentos que deixaram a rede física deteriorada.
Ela contou que a partir de 2005 a festa de emancipação da cidade ganhou uma nova dimensão com a administração do prefeito José Francisco Pestana, saindo da letargia que ignorava a data. Hoje, é comemorada com uma festa cívica com o desfile dos alunos das redes estadual e municipal de ensino, mostrando que a nova gestão municipal está no caminho certo.

Este ano os alunos prestaram homenagem ao médico Antônio Jorge Dino por meio do projeto “Construindo Cidadania 3”, envolvendo as secretarias de Educação, Cultura e Turismo. “Esta homenagem é também uma festa porque Cururupu tem motivos para comemorar com uma administração responsável e transparente”, disse.


Fonte: correiodosmunicipios.com.br

0 comentários :: Governo construirá escola em ilha

Enviar um comentário